Kassab: ‘Todos sabem que o nosso candidato a presidente será o senador Rodrigo Pacheco’

Para disputar o governo de São Paulo, ex-prefeito de São Paulo confirmou que conversa com Geraldo Alckmin

O presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, confirmou neste sábado, 25, que o candidato do partido à Presidência da República é o senador mineiro Rodrigo Pacheco, que hoje está no Democratas e preside o Senado.

“O PSD não fará leilão. Nós teremos, se Deus permitir, um candidato à presidência da República”, afirmou. “Todos sabem que o nosso candidato a presidente será o senador Rodrigo Pacheco”.

A declaração foi dada em evento na cidade de Cajamar, na região metropolitana de São Paulo, que reuniu no mesmo palco os ex-governadores de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) e Márcio França (PSB) e o presidente da Fiesp, Paulo Skaf.

Articulações

Pela articulação em curso, Alckmin deve se filiar ao PSD para disputar novamente o Palácio dos Bandeirantes. França deve voltar a ser candidato a vice na chapa. Já Skaf provavelmente sairá como candidato ao Senado.

O grupo é rompido com o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), que apoia o seu vice, Rodrigo Garcia (PSDB), para disputar o governo paulista no ano que vem, deixando Alckmin sem espaço no PSDB. Doria está nas prévias do partido e ambiciona disputar o Palácio do Planalto.

No evento, Kassab disse que procurou Alckmin e que o ex-governador está fazendo “uma reflexão” se vai voltar à vida política. O ex-prefeito de São Paulo garantiu que o PSD estará “incondicionalmente” ao lado do até agora tucano.

Por Revista Oeste

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *