Prefeito de Madeiro, Pedro Filho, deixa o Progressistas para se filiar ao MDB

O prefeito de Madeiro, Pedro Filho, deixou  o Progressistas (PP), para se filiar ao MDB, na manhã desta segunda-feira (11). Pedro Filho assumiu a chefia do Executivo do município após o prefeito Zé Filho (Progressitas) ser assassinado em novembro de 2021 em um campo de futebol do município.

Pedro Filho ressaltou que está aderindo a pré-candidatura de Rafael Fonteles (PT), que pleiteia o governo do estado, e também ressaltou a identificação com os emedebistas.

“Para mim é uma satisfação muito grande estar nessa casa, sempre fui um admirador, lá ainda quando era vereador, militante, sempre fui admirador do MDB. Na qualidade de prefeito me sinto muito honrado, com Marcelo Castro, seu filho Castro Neto, e Rafael Fonteles, nosso futuro governador, e com Firmino Paulo que é meu deputado estadual”, pontuou.

Pedro Filho como prefeito da cidade há quatro meses e falou sobre como tem procurado conduzir a gestão no município após a morte de Zé Filho.

“Foi uma situação que acho que toda a sociedade piauiense viu e assistiu e temos que procurar trazer tranquilidade para as pessoas, está tudo bem paz neste momento. Estamos levando as coisas com seriedade”, frisou.

Rafael Fonteles comemora adesões

O pré-candidato Rafael Fonteles (PT), que marcou presença no ato de filiação, comemorou a adesão à base governista.

“Ficamos feliz em ver o testemunho dele pelo que foi feito por esse grupo político ao município de Madeiro e pela admiração que tem ao eterno governador Wellington Dias, pelo MDB e como preza a boa política, ele se filia ao um partido com o qual tem identidade”, disse.

Nesta manhã, o prefeito de Beneditinos, Jullyvan Mendes (PTB), também deixou o partido para se filiar ao Partido dos Trabalhadores.

Paula Sampaio/Cidade Verde

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 99922-3229

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *