Quase metade dos bares e restaurantes do PI só conseguirão se manter até abril, diz pesquisa

Uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Piauí (Abrasel-PI) apontou que, devido às medidas restritivas para conter o avanço da Covid-19, 44,2% dos bares e restaurantes só conseguirão manter os negócios por mais um mês.

O estado vive, no momento, a volta do crescimento de casos, a alta na mortalidade da doença e o risco de colapso na saúde.

Diante do cenário, autoridades da saúde recomendam medidas mais rígidas para garantir o isolamento social, na tentativa de frear a contaminação.

Os dados foram levantados entre os dias 5 a 8 de março, com empresas do setor de alimentação fora do lar. De acordo com o levantamento, desde março de 2020, o setor já registrou já mais de 3 mil demissões.

A pesquisa revela ainda que houve uma queda de 30% a 60% no faturamento de 39,5% das empresas desde janeiro de 2021.

O presidente da Abrasel-PI, Eduardo Rufino, afirmou que a pesquisa foi feita para ter dados concretos da situação dos associados e, assim, poder cobrar das autoridades medidas para reverter a situação do setor no estado.

Ainda segundo a Abrasel-PI, o setor de alimentação fora do lar tem sido bastante atingido com as restrições devido à pandemia e que só a vacinação e uma fiscalização eficaz das medidas sanitárias poderão reverter o quadro.

 

Por G1 PI

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *