Suspeito de decapitar corpos é preso em Teresina

A polícia afirma que o acusado é um indivíduo de alta periculosidade, responde por dois homicídios, um deles praticado contra um desafeto dentro da penitenciária.

Um homem foi preso na tarde desta quarta-feira (17) no bairro Mafrense, zona Norte de Teresina acusado de participar no crime que decapitou e mutilou membros inferiores de dois corpos encontrados em um matagal na manhã de hoje. O homem é identificado como Francisco Chagas de Carvalho, de 39 anos, e popularmente conhecido como “Tiqueira”.

RELACIONADA: Dois corpos são encontrados sem cabeças no Piauí

O coordenador da Força Tarefa, major Audivan Nunes, afirma que “Tiqueira” é um indivíduo de alta periculosidade, responde por dois homicídios, um deles praticado contra um desafeto dentro da penitenciária.

“Encontramos com ele uma arma de grosso calibri, uma escopeta calíbri 12, utilizada em assalto a banco, faca, munições. Informações que chegam da nossa inteligência é que ele estaria envolvido. Mas vamos apresentar ele a Polícia Civil que vai proceder as investigações. Se ele tiver envolvimento ele vai pagar por isso”, disse Audivan.

Reprodução

Além de “Tiqueira”, outro homem  foi preso. Isaías Castelo Branco, 31 anos, o acompanhava em um carro durante a abordagem. A polícia investiga a ligação dele com as mortes.

Reprodução

Os dois homens decapitados foram identicados como João Victor e Tiago Anderson Alves Rocha, conhecido como “Piqui”.

 

Fonte: Meionorte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *