Homem tenta matar irmã a pauladas na zona rural de Picos

Na tarde da última sexta-feira (01) mais um caso de tentativa de Feminicídio foi registrado no município de Picos. O homem identificado por Edmilson Santos da Costa, 45 anos, é suspeito de tentar assassinar a irmã de iniciais M. de L. dos S. S., 53 anos, à paulada no Povoado Curralinho I, zona rural da cidade.

Segundo informações da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), a vítima  em razão das lesões sofridas foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhada ao Hospital Regional Justino Luz para receber atendimento médico.

A delegada titular da Deam de Picos, Francineide Fontes, explicou que Edmilson golpeou a irmã com tapas, chutes e ainda desferiu-lhe uma paulada na cabeça.

“Ele a agrediu pela primeira no dia 01 e durante a madrugada do dia 02 ainda tentou agredi-la novamente, dizendo que tinha voltado para terminar o serviço. O suspeito imediatamente foi conduzido para a Central de Flagrantes. A vítima sofreu várias lesões, desferiu um murro ela vindo a cair no chão, depois deu chutes e culminando com um golpe de um pedaço de madeira na cabeça da vítima. Tudo ocorreu na casa da mãe dos irmãos”, explicou a delegada.

Após cometer o ato, o suspeito na madrugada de sábado (02) ainda tentou agredir novamente M. de L. dos S. S., sendo preso em flagrante pela Polícia Militar.  Durante o interrogatório policial, o homem relatou que o pedaço de madeira utilizado seria um cabo de enchada.

A motivação para o crime ainda está sendo investigada, mas existe a suspeita que se trata de questões financeiras.

Edmilson Santos da Costa que já possui passagem na Polícia por tentativa de homicídio ocorrida em 2010, segue preso na Central de Flagrantes de Picos aguardando a Audiência de Custódia. O mesmo teve a prisão preventiva decretada pela Justiça e será encaminhado para a Penitenciária José de Deus Barros.


Fonte: Portal Cidade Verde Picos


WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9922-3229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Portal Saiba Mais