Por Ivo Farias: Jaicós o Cerne da política do Piauí

O território de Jaicós desde do período colonial sempre foi considerado o cerne das decisões politicas do Piauí, devido ser geograficamente próximo as principais praças de movimentações do nordeste. Estamos próximos de Fortaleza, Salvador, Recife, São Luiz e outros. Além de possuir chapadas doces e férteis para lavouras e pastos.

Nesse período colonial Jaicós, já era centro de educação indígena, e de religião, ganhou terras para aldear os índios, porque outras aldeias não ameaçavam a nossa paz. Em 1723 Jaicós já louvava a virgem das Mercês nossa excelsa Padroeira, onde pelos jesuítas os índios eram catequizados.
No período imperial, de 1823 a 1889 a Vila Jaicós, despontou sendo o centro das decisões politicas do Piauí império, através dos jaicoenses que sempre estavam disposto a defender o desenvolvimento do piaui e da região.
Através do Padre Marcos de Araújo Costa, precursor da educação no Piauí e construtor das melhores edificações de Jaicós na época.
Era primo do Brigadeiro Manoel de Sousa Martins, primeiro presidente provinciano do Piauí, que em agosto de 1834, o Padre Marcos de Araújo Costa, nascido nas Paulistas pertencente a Jaicós, hoje cidade de Paulistana, fez parte do primeiro conselho provincial do governo do Piauí, ascendendo a chama de Jaicós nas decisões políticas.

No entanto devido os marcos históricos dos nossos ilustres filhos, de levantar a bandeira de Jaicós na participação ativa na politica do Piauí, como aqui cito: O Padre Marcos de Araújo Costa que foi deputado provinciano na legislatura de 1835 a 1837 e o deputado Arnaldo José de Carvalho, em 1849 representou a cidade de Jaicós com sua participação ativa o deputado Padre Claro Mendes de Carvalho, no ano de 1888 a 1889 já no final do período imperial estava nos representando o deputado Aristides mendes de Carvalho ainda neste perído tivemos o deputado Raimundo José de Carvalho Sousa, (Coronel Mundico, considerado um grande amigo de Dom Pedro Segundo).
Mesmo com a queda do Império brasileiro em 1889, a bandeira da Terra do Galo continuou erguida no período republicano através do deputado Constâncio Carvalho de 1928 a 1930.

Os filhos de Jaicós continuaram a representar o Piauí na assembleia na republica nova, após a ditadura Getulista, Jaicós teve os deputados Humberto Reis da Silviera, com vários mandatos, Cícero Rodrigues da Luz (1947) e Alberto Bessa Luz, também com vários mandatos.
Em 1986 tivemos
no senado o Jornalista e escritor Alvaro Pacheco, um jaicoense por nascimento que como suplente do senador Hugo Napoleão, assumiu o senado Federal.

Nos dias atuais precisamos resgatar a nossa representatividade na Assembleia legislativa do estado do Piauí com nomes que possam assegurar a nossa histórica tradição política, e promover o crescimento e desenvolvimento, com trabalho, amor e dedicação ao nosso Piauí e em especial a nossa Jaicós.

Por Jornalista e Historiador Ivo Farias de Oliveira – Pesquisa Cronologia histórica da Assembleia do Estado do Piauí.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *