Esportes

Suárez marca, perde pênalti, e Grêmio leva virada do Ypiranga na semifinal gaúcha

O Grêmio saiu em desvantagem na briga por uma vaga na final do Campeonato Gaúcho, ao perder sua invencibilidade no ano para o Ypiranga, na tarde deste domingo, por 2 a 1, no estádio Colosso da Lagoa, em Erechim, pelo confronto de ida da semifinal Suárez e Erick (duas vezes) marcaram os gols do confronto.

O uruguaio, Porém, desperdiçou uma cobrança de pênalti pela segunda partida seguida.

Os times voltam a se enfrentar no próximo sábado, às 16h30, na Arena, em Porto Alegre. O Ypiranga jogará por qualquer empate para chegar à decisão, enquanto o Grêmio terá que vencer por dois gols de diferença. Caso vença por um gol, a vaga será definida nos pênaltis.

Além de ficar em desvantagem na semifinal, o Grêmio também viu cair sua invencibilidade no Estadual. Foi a primeira derrota em 12 jogos disputados até agora.

Com bola rolando, o Grêmio começou confirmando seu favoritismo, pressionando nos primeiros minutos e abrindo o placar. Aos 11, Pepê puxou contra-ataque e deu linda assistência para Luis Suárez, que invadiu a área e finalizou com a perna direita, sem chances para o goleiro Caíque.

A vantagem deixou o Grêmio mais tranquilo em campo, enquanto o Ypiranga teve dificuldades para assustar no ataque. Tanto é que a melhor chance aconteceu apenas aos 33 minutos, quando MV passou por Bruno Alves e finalizou com efeito pela linha de fundo do goleiro Adriel.

A vantagem do Grêmio poderia ter sido maior no primeiro tempo, já que Robson fez pênalti em Ferreira. Aos 41, Luis Suárez cobrou rasteiro e o goleiro Caíque defendeu, mantendo o placar de 1 a 0 até o intervalo.

No segundo tempo, o Ypiranga voltou com postura mais ofensiva. Aos 12, Matheuzinho passou pela marcação e finalizou na rede pelo lado de fora. Aos 21, Kannemann derrubou Matheuzinho na área e, após revisão do VAR, o árbitro marcou pênalti. Erick cobrou e deixou tudo igual aos 23 minutos.

O empate parcial deu fôlego ao Ypiranga para buscar a vitória. Aos 28, João Pedro cobrou falta com muito perigo. Depois, aos 30, Matheuzinho invadiu a área e finalizou para boa defesa de Adriel. No rebote, Erick também chutou e novamente o goleiro gremista evitou a virada.

De tanto insistir, o Ypiranga chegou ao segundo gol. Aos 45 minutos, após escanteio da direita, Kannemann colocou a mão na bola dentro da área e, novamente com ajuda do VAR, o árbitro marcou pênalti. Erick converteu aos 50 minutos e deu números finais ao confronto.

Fonte: Estadão Conteúdo

 

WhatsApp do Portal Saiba Mais: (89) 9 9417-2542

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Portal Saiba Mais