Vídeo mostra filho matando a mãe estrangulada; ele a homenageia na internet: ‘Te amarei para sempre’

Um jovem de 23 anos é suspeito de matar a própria mãe Márcia Lanzane, de 44 anos no Guarujá, litoral de São Paulo. A Polícia Civil informou nessa quinta-feira (03/06) que ele foi indiciado por homicídio doloso e a Justiça decretou a prisão preventiva do suspeito. As informações são do G1 SP.

Márcia Lanzane foi morta em dezembro de 2020, e filho foi indiciado por homicídio doloso
Márcia Lanzane foi morta em dezembro de 2020, e filho foi indiciado por homicídio doloso    Arquivo pessoal

Câmeras de segurança flagraram o momento em que Márcia Lanzane, de 44 anos, foi morta pelo próprio filho, Bruno Eustáquio Vieira, dentro da casa onde moravam. O caso aconteceu em dezembro do ano passado, mas a Justiça decretou prisão preventiva de Bruno nessa terça-feira (1º).

Na época, o suspeito chegou a fazer uma postagem nas redes sociais lamentando a morte da mãe. “Te amarei para sempre! Obrigado por tudo meu amor. Luto Eterno Rainha”, diz a publicação.

 Reprodução / Redes sociais

Vídeos mostram que os dois caem no chão, e Bruno se levanta rapidamente. Em seguida, usa as duas mãos para esganar a mãe. As imagens ainda mostram o filho verificando os batimentos da mãe e, logo depois, volta para a sala para assistir televisão.

Os vídeos do circuito interno de segurança do imóvel foram encontrados em um cartão de memória dentro do forno do fogão.

A Delegacia Sede de Guarujá investiga o caso. O inquérito policial com o indiciamento foi concluído em 31 de maio de 2021 e encaminhado à Justiça. A defesa dele afirma que ele está arrependido e que segurou o pescoço da mãe apenas para imobilizá-la.

Vídeo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *